Fabricante de calçados levanta R$ 500 milhões para se recapitalizar

07.02.2024 - Michel Pozzebon

A Vulcabras (Jundiaí/SP), maior fabricante de calçados esportivos do Brasil, levantou, na noite desta terça-feira, 6, R$ 501 milhões para se recapitalizar após pagar R$ 373 milhões em dividendos extraordinários aos acionistas no mês passado e aumentar a liquidez do seu papel negociado na Bolsa de Valores de São Paulo (B3). A companhia precificou em R$ 18,50 o seu follow-on – nome das ofertas subsequentes após a empresa ter aberto capital e realizado IPO, a oferta pública inicial.

A oferta-base foi de R$ 250 milhões, mas a empresa optou por exercer o hot issue – quando a companhia deseja aumentar seu capital arrecadado em ações –, o que dobrou o tamanho da oferta.

Foto: Divulgação/Vulcabras.
Divulgação/Vulcabras
Fábrica da Vulcabras em Horizonte/CE

Âncoras da oferta

A família Grendene Bartelle — que controla 70% da Vulcabras e havia se comprometido a colocar até R$ 175 milhões —, acabou colocando metade desse valor, abrindo espaço para o mercado. Os âncoras da oferta foram as gestoras Absolute Investimentos, Moneda Asset Management e Norte Asset Management.

Aumento da liquidez

A Vulcabras disse ao mercado, em comunicado de fato relevante divulgado nesta quarta-feira, 7, que o principal objetivo da oferta é "aumentar a liquidez do papel, que negocia hoje uma média de R$ 12 milhões por dia". Com a oferta, a expectativa da empresa é de que essa liquidez, pelo menos dobre, com o free float (indicador do mercado financeiro que informa o percentual de ações de uma empresa que está em livre circulação e disponível para acionistas) subindo de 30% do capital para 35%.

Matérias relacionadas

VíDEO

+ VEJA MAIS

AGENDA

+ VEJA MAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Cadastre seu e-mail para receber as novidades do Exclusivo.

Seu email foi cadastrado com sucesso.