Em sete anos, mercado global de calçados femininos de luxo deve ultrapassar US$ 50 bilhões

29.11.2023 - Michel Pozzebon

Avaliado em US$ 30,5 bilhões neste ano, o mercado global de calçados femininos de luxo deve seguir em expansão até 2030, com uma taxa composta de crescimento anual (CAGR) de 7,8%, chegando a US$ 51,7 bilhões. A informação é de um relatório divulgado nesta semana pela empresa indiana de consultoria estratégica e de inteligência de mercado RationalStat.

O aumento do rendimento disponível, especialmente entre os consumidores classe A, contribui para uma maior procura de bens de luxo, incluindo calçados. "Como os consumidores têm maior poder de compra, eles estão dispostos a investir em marcas de alta qualidade e prestígio. Além disso, a crescente população de indivíduos com elevado patrimônio líquido (HNWIs) e a população demográfica da classe média alta contribuem globalmente para um mercado maior de bens de luxo", diz a análise da RationalStat.

Segundo a pesquisa, "à medida que o poder de compra cresce, há uma mudança notável em direção a produtos de alta qualidade", especialmente em bens de luxo, como calçados premium.

Foto: Christian Louboutin/Divulgação.
Christian Louboutin/Divulgação
Escarpin Christian Louboutin

"Luxo não tem a ver somente com qualidade, mas também com prestígio"

As marcas de luxo estão respondendo a este aumento da procura, visando os clientes classe A com produtos exclusivos e de alta qualidade. "Esses itens não têm apenas a ver com qualidade, mas também com prestígio, atraindo consumidores que desejam investir em marcas renomadas", diz o relatório da RationalStat.

Conforme a pesquisa, outro fator-chave que tem impulsionado o mercado de calçados femininos de luxo é o foco crescente na moda e no estilo pessoal. "Os consumidores estão continuamente buscando opções de calçados exclusivos e inovadores. As marcas de luxo, conhecidas por definirem tendências de moda, estão atraindo clientes preocupados com a moda e que desejam fazer 'declarações ousadas' em suas escolhas de calçados", aponta a análise da consultoria indiana.

Matérias relacionadas

VíDEO

+ VEJA MAIS

AGENDA

+ VEJA MAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Cadastre seu e-mail para receber as novidades do Exclusivo.

Seu email foi cadastrado com sucesso.