2021 será como nos dedicarmos a desenhá-lo

05.10.2020

“Como será o ano de 2021?” me interrompeu um participante de um webinário em uma universidade. Confesso que tive que pensar bastante antes de devolver qualquer coisa ao aluno. Ainda que latente, essa pergunta tem sido uma das mais complexas de serem respondidas nos últimos tempos. Esta dúvida veio de um acadêmico, mas, com certeza, ronda a mente de qualquer empresário. 

Aproveitando a “deixa”, vou listar aqui alguns pontos que considero interessantes:

1 – Como qualquer ano, 2021 será um resultado do que desenhamos em 2020. O cenário é mais complexo, com certeza. Mas, o método é constante! Não se perca em um desenho complexo. Como costumo dizer nas minhas consultorias, faça o básico muito bem feito e já estará à frente de grande parte do mercado. O que não adianta é sermos reativos às situações, esperando o que vai acontecer para depois agir. Quem vai despontar no mercado, na verdade, está se esforçando hoje para construir o mercado de amanhã. O ano de 2021 só não será próspero para quem não se dedicar a traçar novos rumos e aplicar esforços para fazer um ano diferente.

2 – Seja ágil! Agilidade e adaptação são características de negócios que influenciam diretamente no sucesso de uma empresa. Quem está disposto a se adaptar em tempo hábil, com certeza terá um terreno fértil para explorar. Estar ágil é construir uma cultura de abertura ao novo e se propor a constantemente revisar preceitos, estratégias, produtos e ações. Não se empenhe em “ser ágil” para uma demanda específica, “seja ágil” para preparar sua empresa e sua equipe para detectar possíveis necessidades de mudança e agir antecipadamente diante delas.

3 – Converse e crie conexões. Sua empresa ou sua loja nunca estiveram sozinhas no mercado, hoje em dia muito menos! A força de uma marca está na capacidade dela de estar inserida de forma direta ou indireta na vida dos clientes. Assim, quanto mais você se conecta a fornecedores, parceiros (do seu ou outro segmento), influencers e, claro, seus clientes, maior será a sua presença de mercado. Não perca nenhuma chance de aparecer, fazer contatos e criar conexões saudáveis com quem está a seu redor.

4 – Atenda melhor e gaste menos. O que parece ser impraticável, na verdade, tende a se tornar uma regra. Faça mais e melhor com menos! Como? Entenda o que seu cliente realmente deseja e valoriza. Muitas vezes eu vejo empresas investindo pesado em ações que não tem valor para o cliente. Sabe quando a gente ganha um brinde e acaba nunca usando? Este é um exemplo de investimento mal feito, atendimento pior e gasto maior. Inverta a equação e descubra o que o seu cliente valoriza e o que faria ele optar pela sua loja e não pela concorrência. Quando descobrir, invista nisso e elimine todos os outros gastos.

5 – Seja multicanal. Clientes querem comprar e ponto! As marcas precisam entender que nenhum cliente quer sentir qualquer atrito na sua compra, mas, sim, transitar entre canais on e off-line para então realizar a sua compra onde bem entender. Elimine as burocracias ao máximo que puder e facilite a compra do seu cliente, divulgue isso e crie relacionamento (não use seus canais de comunicação apenas para vender). Para ser multicanal é necessário investir pesado em uma cultura de atendimento padronizado, entregando excelência independente do meio – seja na loja física, ligação ou mídias digitais. A experiência de compra deve ser a mesma, sempre surpreendendo positivamente.

Quer um 2021 próspero para o seu negócio? Então comece a construir este cenário positivo através de ações propositivas. Quem espera as coisas acontecerem para decidir acaba ficando para trás. Sua concorrência vem melhorando e se especializando e você?

Daniel Keller

Daniel é head de vendas para indústria e varejo, criador e gestor da agência Start de Estratégias e Marketing Digital. Professor universitário e palestrante nas áreas de varejo, marketing e moda.

VEJA TAMBÉM...

Formato de gestão que nunca poderia ter sido diferente

07.07.2020
Cliente no centro, eliminação de barreiras, revisão de preços e comunicação intensa com foco em conteúdo são temas recorrentes – inclusive, podemos escolher umas 3 ou 4 lives por dia falando sobre estes assuntos. Todas as vezes que vejo “fulano de tal” ao vivo já imagino uma sequência de verdades úteis que já deveriam estar sendo aplicadas há muito tempo. Confesso que me assustei quando comecei a ouvir falar de um novo formato de gestão de vendas – afinal, esperava uma grande novidade. No entanto, vi aplicadas uma a uma daquelas verdades, até então exclusivas da academia, para um os negócios “de verdade”. Ouça seus clientes e facilite suas vidas, sejam colaborativos, projete antes de aplicar, crie formatos de trabalho mais flexíveis eram coisas que só...

VÍDEO

+ VEJA MAIS

AGENDA

+ VEJA MAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Cadastre seu e-mail para receber as novidades do Exclusivo.

Seu email foi cadastrado com sucesso.