Saiba quem é a única empresa brasileira de moda presente no Oscar da Sustentabilidade

29.02.2024 - Michel Pozzebon

Entre 23 mil empresas de todos os continentes, uma varejista é a única companhia brasileira de moda a figurar na mais recente edição da "A-List", ranking anual classificado como o "Oscar da Sustentabilidade", relativo ao ano de 2023. A lista é desenvolvida pelo CDP, instituição global sem fins lucrativos, baseada em Londres (Inglaterra), responsável pelo maior sistema de divulgação de informações ambientais de empreendimentos, cidades, estados e regiões de todo o mundo.

A varejista de moda Lojas Renner (Porto Alegre/RS) foi classificada na "A-List" na categoria de mudanças climáticas. Segundo a empresa, a posição inédita conquistada em 2023 "se deve ao avanço contínuo de suas iniciativas para reduzir as emissões de gases de efeito estufa (GEE) a partir de métricas baseadas na ciência e em linha com seus compromissos públicos de sustentabilidade". Ainda conforme a companhia, o resultado "reflete ainda a qualidade das informações sobre os riscos climáticos a que está submetida, bem como sua capacidade de adaptação a eles e sua contribuição para gestão e mitigação dos impactos provocados ao longo da cadeia produtiva".

Foto: Divulgação/Lojas Renner.
Divulgação/Lojas Renner
Lojas Renner é a única empresa brasileira do varejo e da moda a figurar na A-List

23 mil empresas em todo o mundo

No total, cerca de 23 mil empresas dos seis continentes responderam ao questionário do CDP, que atua em parceria com 740 instituições financeiras, que somam US$ 136 trilhões em ativos e buscam maior transparência sobre o assunto para orientar seus investimentos. A metodologia da organização, que no passado adotava o nome de Carbon Disclosure Project, é alinhada às diretrizes da Task Force for Climate Disclosure (TCFD) e envolve pilares como governança e estratégia climática, gestão de riscos, metas e métricas.

Nesta edição, relativa a 2023, mais de mil companhias brasileiras reportaram dados para o CDP e 11 foram reconhecidas em pelo menos uma das categorias da "A-List". A Renner é a única varejista do grupo e também a única do segmento de moda.

"Queremos ser agentes de transformação"

Segundo o diretor-presidente da Lojas Renner, Fabio Faccio, o resultado apresentado pelo CDP "mostra que estamos no caminho certo rumo à neutralidade climática". "Queremos ser agentes de transformação não só do nosso setor, mas da sociedade, contribuindo para oferecer opções cada vez mais sustentáveis aos consumidores. Isto passa necessariamente pela transparência em relação aos nossos compromissos e nossas práticas concretas, e estamos orgulhosos de fazer parte de um grupo cada vez maior de empresas que compartilham destes valores", aponta Faccio.

Desde 2016, a Lojas Renner compensa 100% de suas emissões corporativas de GEE e, em 2022, teve suas metas aprovadas pela Science Based Targets Initiative (SBTi). Os objetivos incluem a intenção de reduzir em 75% as emissões absolutas de CO2 por peça de roupa de suas marcas próprias e em 46% as emissões diretas e indiretas de suas operações, em comparação com 2019. A estratégia busca acelerar a transição para um negócio de baixo carbono.

Matérias relacionadas

VíDEO

+ VEJA MAIS

AGENDA

+ VEJA MAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Cadastre seu e-mail para receber as novidades do Exclusivo.

Seu email foi cadastrado com sucesso.