Feira Zero Grau receberá lojistas de diversas regiões do País

14.11.2022 - Redação Exclusivo

Foto: Divulgação
Na edição de 2021, mostra contou com a visitação profissional de 7,5 mil pessoas
Lojistas de diferentes estados brasileiros estarão em Gramado/RS, de 21 a 23 de novembro, na Zero Grau – Feira de Calçados e Acessórios –, para conhecer e adquirir os principais lançamentos para outono-inverno 2023. O objetivo é se preparar para as vendas no varejo do próximo ano, especialmente para a abertura da coleção da temporada fria nas vitrines. Na edição de 2021, o evento recebeu a visitação profissional de 7,5 mil pessoas.

Acreditando em boas vendas para o consumidor final e apostando em linhas mais arrojadas como coturnos e botas de montaria, a lojista Ludimilla Souza, de Anápolis/GO, acredita que irá fazer seu estoque de inverno na feira. "Mesmo com clima quente da região, as minhas clientes consomem muito calçados fechados. São produtos indispensáveis no guarda-roupa das mulheres. Os calçados são exibidos em festas locais e realmente dão o glamour para os looks femininos", acentua a varejista, que também busca outros produtos diferenciados.

Turismo de negócios

Já o lojista Denildo Pereira de Souza, do grupo Piriquito Foka Calçados (Sorocaba/SP), com 17 lojas espalhadas em São Paulo, afirma que, além das compras necessárias para a próxima temporada, irá à Zero Grau para fazer alguns passeios e aproveitar a estrutura de Gramado para descansar um pouco. "Acho as feiras na serra gaúcha perfeitas, pois unem os negócios com turismo, uma proposta moderna e muito difundida no mundo", diz ele. Mas o foco são as compras e ele pretende comprar 70% de sua demanda nos estandes dos expositores da Zero Grau.

Para suprir a necessidade

Com o objetivo de comprar calçados e acessórios para a próxima temporada fria, está o empresário Claudinei Nunes de Siqueira, dos grupos Oscar Calçados, Jô Calçados e Carioca Calçados, com 112 lojas nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Santa Catarina. "Não faço nossas compras totais na feira, mas sim, o pedido mãe para todas as redes que é reforçado ao longo dos próximos meses. Faço a separação dos modelos e chego a comprar praticamente 25% da nossa necessidade", diz Siqueira. "A viagem para a Zero Grau marca também o desejo de conhecer a estratégias de Marketing, o apoio aos lojistas, enfim, o posicionamento das marcas", ressalta ele. Todo este movimento, segundo o empresário, vai proporcionar o crescimento do grupo, que tem a meta de atingir o número de 200 lojas até 2025.

VÍDEO

+ VEJA MAIS

AGENDA

+ VEJA MAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Cadastre seu e-mail para receber as novidades do Exclusivo.

Seu email foi cadastrado com sucesso.