Workshop

Estratégias vencedoras são debatidas em Workshop em Franca/SP

As estratégias vencedoras para o setor coureiro-calçadista nortearam o 4º Workshop Estratégias Vencedoras para o Setor Coureiro-Calçadista, na noite desta terça-feira (9), na cidade de Franca/SP. Realizado pelo Grupo Sinos, por meio do Jornal Exclusivo e da Revista Lançamentos, o encontro, que ocorreu no auditório do Sindicato das Indústrias de Calçados de Franca (Sindifranca), desembarcou, pela primeira vez, no polo calçadista francano com cinco especialistas que falaram sobre os processos da cadeia produtiva, estratégias comerciais, posicionamento de marca, além de cases e tendências de mercado.

Mediado pelo jornalista do Núcleo de Moda e Business do Grupo Sinos, Michel Pozzebon, o workshop teve a participação de empreendedores da região e lideranças nacionais do segmento. Entre os painelistas, o diretor da Associação Brasileira de Lojistas de Artefatos e Calçados (Ablac) e diretor comercial da Luz da Lua (Novo Hamburgo/RS), Eduardo Smaniotto, destacou que a indústria precisa se aproximar do lojista. "Os lojistas escolhem a estratégia de marca deles e, muitas vezes, buscam empresas que realmente signifiquem para o consumidor. Dessa forma, transmitam valor da marca para o lojista", afirma.

O workshop teve apresentação da Painel Transporte e Logística e patrocínio da Tracta.co, Merkator Feiras e Eventos e CHB. O apoio é da Magma Espugum e Camaleoa Indústria Têxtil e apoio institucional do Sindifranca, CIESP - Franca e Prefeitura de Franca.

Inovação como estratégia

O sócio-diretor do Grupo Amazonas (Franca/SP), Saulo Pucci Bueno, destacou que o Jornal Exclusivo é o veículo oficial do setor calçadista e frisou a importância da inovação. "Tentamos sempre manter viva a tradição inovadora". Já Fernando Nicory, diretor da Magma (São Paulo/SP) e Espugum (Valinhos/SP) pontuou que a inovação faz parte da estratégia de quase todas as empresas. "Se não inovar, a onda te leva e você fica para trás", lembrou.

Marca e elos do setor

O gerente de Marketing da JotaPe (Franca/SP), Gilberto Junior, salientou que o reposicionamento de marca só é válido se o cliente tem percepção de valor. "Acreditamos que a mudança de posicionamento não é alterar o que fizemos até agora." O diretor comercial e co founder da Tracta.co (Campo Bom/RS), Carlos Pontin, disse que o objetivo da ferramenta é fazer a ligação de todos os players do setor. "A Tracta.co tem valor para todos os players. Todos os elos do setor calçadista estão incluídos."

Confira galeria de fotos do 4º Workshop Estratégias Vencedoras para o Setor Coureiro-Calçadista:


VÍDEO

+ VEJA MAIS

AGENDA

+ VEJA MAIS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Cadastre seu e-mail para receber as novidades do Exclusivo.